A Coragem de Ser Imperfeito - Brené Brown

A Coragem de Ser Imperfeito - Brené Brown

Aprenda tudo que você precisa saber para atingir os objetivos, inspirar pessoas e conquistar a inteligência emocional de maneira simples, rápida, fácil e eficiente.

Você é uma pessoa desmotivada, introspectiva e perfeccionista?

Algumas pessoas veem muita necessidade em esconder suas emoções para tentar ser perfeito na vida. Isso acaba refletindo na forma que agimos e nos resultados do nosso trabalho.

Com o livro “A Coragem de Ser Imperfeito”, Brené Brown nos ensina que devemos nos desprender dessas atitudes que aprisionam nossos sentimentos, pois isso só nos faz conviver com um único sentimento: o medo (de ser imperfeito).

Entenda com este resumo como essas características podem influenciar negativamente a sua vida pessoal e o seu negócio, e aprenda de uma vez por todas o que fazer para se livrar desses males.

O livro “A Coragem de Ser Imperfeito”

“A Coragem de Ser Imperfeito” é um excelente guia para viagem em nosso mundo interior. Lançado em 2012 e composto de 7 capítulos, Brené Brown te levará a entender a maratona da riqueza e o manual da vida vitoriosa.

A autora ensina sobre emoções, pensamentos positivos e a importância do uso da ousadia em nossas escolhas. Ao mesmo tempo, nos encoraja a assumir a nossa vulnerabilidade como o primeiro passo rumo ao sucesso.

Quem é Brené Brown? 

Casandra Brené Brown é professora na Universidade de Houston e autora de cinco best-sellers com foco em gestão e liderança. Possui mestrado em Serviço Social e PhD da Universidade de Houston.

Recebeu o prêmio Outstanding Faculty da Faculdade de Pós-Graduação em Serviço Social. Em 2009, foi eleita pela revista Houston Woman Magazine uma das mulheres mais influentes em Houston, a cidade mais populosa no estado do Texas.

Quem deve ler “A Coragem de Ser Imperfeito”?

“A Coragem de Ser Imperfeito” é para pessoas que se escondem em uma casca de proteção para não mostrar seus defeitos, para líderes que acreditam que ser um bom líder é ser rígido e inflexível e para quem quer conhecer a melhor definição de coragem.

Para todos que precisam entender de que forma a coragem, ligada à resiliência, pode ser usada como arsenal contra o fracasso e a derrota na vida pessoal e também no mundo empresarial.

Principais ensinamentos de “A Coragem de Ser Imperfeito”

  • Sobre vulnerabilidade, Brené Brown concluiu que não é sinônimo de fraqueza;
  • A autovalorização abre portas para a perseverança;
  • A vergonha é um problema de aceitação;
  • Seja motivado, assuma riscos;
  • Se transforme. Diminua o espaço que te separa de onde você está para onde você quer chegar;
  • Um bom líder precisa aprender a lei da honestidade;
  • Carregar o sentimento de aceitação dentro de si é o melhor caminho para chegar mais rápido rumo ao seu objetivo;
  • Entenda o caminho da plenitude.

Vamos lá?

Faça o Download do Resumo do Livro "A Coragem de Ser Imperfeito" em PDF grátis

Está sem tempo para ler agora? Então faça o download gratuito do PDF e leia onde e quando quiser:

[Resumo do Livro] A Coragem de Ser Imperfeito - Brené Brown,PDF

Qual a relação entre Escassez e Vulnerabilidade?

O sentimento de escassez tem a ver com a sensação de insuficiência, de não ter algo satisfatório ou de não ser bom o bastante.

Infelizmente, isso é uma questão que está enraizada em nossa sociedade atual, seja por estarmos sempre com o gatilho da competitividade ligado, seja por termos o narcisismo como uma característica cultural em nossa comunidade.

Para chegar ao nível de escassez e da constante sensação de falta, é necessário a união de três ingredientes: vergonha + comparação + desmotivação.

Ao que se refere ao narcisismo, muitas pessoas têm como explicação aquele indivíduo com sentimento de grandeza. Indiferente com os outros, este indivíduo nutre uma paixão exacerbada sobre si mesmo e estabelece um padrão inatingível de comparação.

Porém, é necessário entender que o que está por trás desse senso inflado de auto importância é o medo da humilhação, do fracasso ou de ser simplesmente alguém comum.

É preciso romper as barreiras impostas da macrossociedade ou até mesmo dos lugares mais intimistas pelos quais convivemos.

Seja na família, no trabalho ou na faculdade, a união na luta contra a escassez é necessária, para que, assim, vivamos em um ambiente mais saudável e que não seja necessário sacrificar a nossa vida pessoal e o sucessoque tanto almejamos.

Mas, como podemos fazer isso?

Como podemos usar a coragem para desprover o sentimento de escassez, eliminar a busca pela perfeição e termos a ousadia suficiente para assumir a vulnerabilidade em nossas vidas?

Como mudar os meus conceitos?

Para modificarmos a nossa maneira de pensar, precisamos mudar os conceitos pré-estabelecidos.

E quais são algumas dessas ideias?

“Ser vulnerável é ser fraco”

Entenda que a vulnerabilidade não é sinônimo de fraqueza. Pelo contrário: para Brené Brown, o poder da coragem está mais em destaque em sua vida nesses momentos.

A autora pontua que esse pensamento é decorrente da ideia de vulnerabilidade ser ligada a decepção, tristeza, medo ou vergonha. E essas opiniões refletem em nossa vida pessoal e profissional.

Mas o que muitos não analisam é que quando estamos dispostos a mudar nossa vida, às vezes temos que nos abster daquilo que antes nos preenchia.

E é devido à vulnerabilidade que conseguimos tamanha habilidade.

“Vulnerabilidade é o mesmo que exposição”

A vulnerabilidade pode estar em muitas áreas. Seja em escolhas pessoais, profissionais, tomadas de decisão e até sentimentais.

Para que haja uma troca de sentimentos, por exemplo, é necessário que ambos desarmem-se de si mesmos. Dessa forma, nos conectamos mais uns aos outros.

A vulnerabilidade é o compartilhamento de ideias, opiniões, emoções e sentimentos. E essa troca, de maneira saudável e respeitosa, traz como resultado amizade, confiança e um maior envolvimento com o outro.

“Não preciso de ninguém”

Essa é uma frase comum e, ao mesmo tempo, preocupante.

Na sociedade em que o egoísmo serve como base cultural, esse pensamento individualista é recorrente e perigoso.

Para Brené Brown, a vulnerabilidade faz parte do percurso de nossas vidas e o caminho da existência não foi feito para percorrermos sozinhos.

Somos imprudentes quando nos escondemos diante de nossos próprios problemas. Torna-se exaustivo e ineficaz as constantes tentativas de resolvermos algo por conta própria.

Basta você imaginar alguma situação pelo qual precisou e buscou a ajuda de alguém. Foi mais fácil, não foi?

Entenda que você, caro líder, não vai conseguir sozinho e precisa, sim, de sua equipe para conseguir alcançar a trajetória do sucesso de maneira mais fácil, bem feita, eficaz e prazerosa.

Como lutar contra a vergonha que teima em aparecer?

A vergonha é contrária ao sucesso. Ela prende e nos bloqueia de mostrar quem somos e de conseguir chegar onde almejamos. É limitante, nos põe amarras e nos mantém atrofiados, tímidos e medrosos.

Podemos identificar algumas situações em que, por exemplo, fugimos de emoções ou deixamos de partilhar opiniões e ideias por medo de críticas, julgamentos ou rejeições.

Estamos escondendo nosso dom, talento e a tão necessária vulnerabilidade por medo de errar ou de ser depreciado por alguém.

Adote a cultura da criatividade em seu cotidiano e em quem te rodeia. Compartilhe e exponha ideias para que, de fato, seu futuro seja brilhante.

Entenda que a ideia de líder absoluto é ultrapassada e não deve existir em sua organização, caso o seu foco seja o sucesso e crescimento empresarial.

E o segredo de tudo isso é a autovalorização.

Ensine sua equipe a ser motivada, trabalhar em conjunto e valorizar suas conquistas pessoais para que, de fato, o progresso seja rápido, satisfatório e real.

Outro passo importante para aprender a lidar com a vergonha é usar a honestidade em suas palavras.

Reconhecer a autovalorização e, ao mesmo tempo, ter a coragem de assumir suas fraquezas e incertezas são métodos fundamentais para que as outras pessoas conheçam quem você é.

Como aprender a arte da ousadia?

O livro “A Coragem de Ser Imperfeito”, destaca estratégias importantes para conseguir assumir a vulnerabilidade e viver em paz consigo mesmo.

Valorize-se

Valorizar suas ideias e conquistas, entender seus limites e sua importância no mundo são passos fundamentais para entender a necessidade da vulnerabilidade em nossa vida.

A vida tem altos e baixos

Acreditar na existência da felicidade tem sido algo difícil em nossos dias. Isto é, na era do individualismo e do querer sempre mais, as pessoas estão incertas se, de fato, a felicidade é real.

Essas pessoas defendem a todo custo que viver em “decepção perpétua” é muito mais fácil que encarar uma perda ou uma decepção repentina. Fuja disso.

Entender que a vida é feita de etapas é essencial para uma trajetória mais tranquila.

Seja grato(a)

Praticar a gratidão é uma âncora para a turbulência. Enxergar coisas boas por trás dos maus presságios é sábio. O segredo não é estar grato, é ser grato.

A gratidão precisa ocupar um lugar especial em sua vida para que abra portas para a vitória, triunfo e alegria constante.

O que está por trás da falta de motivação?

Sabemos que a motivação nos desperta entusiasmo para enfrentarmos desafios e estarmos mais fortes para as tomadas de decisões.

Mas a questão é: a falta de motivação é simplesmente desânimo ou existe um motivo a mais para esse tipo de comportamento?

Segundo a autora Brené Brown, a desmotivação pode ser entendida como um escudo para nos protegermos da vulnerabilidade, ou, então, de tudo aquilo que necessita de nossas opiniões e/ou escolhas.

Outro motivo é a criação em nossa sociedade das lacunas de valores. Valores inatingíveis, metas inalcançáveis e planos inacessíveis.

Precisamos focar em valores que são importantes para nós. Valores que diminuem nossa vergonha de nos expressar, que mostrem quem somos. Valores que incentivam nosso vínculo com o outro, e tudo aquilo que incentive o nosso crescimento enquanto pessoa e enquanto profissional.

Como o padrão da escassez influencia em nossa maneira de liderar?

Durante o livro “A Coragem de Ser Imperfeito”, Brené cita o conceito do que é ser líder. Segundo ela, líder é um tipo de caça-talentos. Aquela pessoa que busca incessantemente a criatividade e o dom no outro.

Porém, não é isso que vivenciamos em nossa sociedade contemporânea, pelo qual o conceito de liderança está atrelada a status, riqueza e subalternos.

Para que a qualidade de excelência seja atingida, é necessário que o líder saiba a importância da reumanização entre educação e trabalho. Dessa forma, firmando um tipo de compromisso para com os membros: o Compromisso Perturbador.

Mas, do que se trata o Compromisso Perturbador?

O Compromisso Perturbador significa a escolha de uma trajetória diferente.

Uma mudança de rumo e de caminho em prol de uma estrada consolidada de sucesso e realizações. Tal atitude tem o intuito recuperar fatores como criatividade, inovação e aprendizado uma vez perdidos.

É preciso diálogos que deixem a mostra a vulnerabilidade da empresa como um método para resolver questões.

As conversas em seu ambiente de trabalho necessitam ser pautadas na honestidade, originalidade e auto aceitação.

Outros livros sobre como alcançar o sucesso pessoal e profissional

EmOs Segredos que Vão Mudar a Sua Vida, encontram-se diversas lições de Napoleon Hill, Joseph Murphy e Dale Carnegie sobre o sucesso, sendo que este está atrelado, segundo a obra, a um plano pessoal que deve ser executado utilizando-se os poderes do subconsciente humano.

Já o autor de Traction, Gino Wickman, explora como os empreendedores de sucesso possuem uma visão atrativa e bem definida para o seu negócio, além de boa comunicação. A partir disso, criam uma diretriz a ser seguida por todos dentro da organização, para desenvolver as soluções e guiar as ações estratégicas.

Para finalizar, no livroPaixão por Vencer, Jack Welch afirma que devemos sempre buscar qualidade na nossa vida profissional. Se você não está satisfeito com o seu emprego, encontre um trabalho que proporcione entusiasmo na sua carreira. É muito importante que você não se acomode, e saia da zona de conforto.

Como posso ter a Coragem de Ser Imperfeito?

  • Tenha a vulnerabilidade como um modelo a ser seguido. Seja honesto consigo e com os outros. Expor suas fraquezas e pedir ajuda não é vergonha; é sabedoria, e sempre pode levar a novos caminhos; 
  • Para alcançar o caminho da plenitude, é preciso viver com ousadia. Adote a capacidade de assumir sua imperfeição e deixe que as pessoas vejam quem de fato você é;
  • Plante a criatividade e colha a inovação. Acredite em seu potencial;
  • O dom da autenticidade é para vencedores. Se livre da cultura da comparação;
  • Seja grato e atraia o significado da felicidade permanente;
  • Se liberte da síndrome do perfeccionismo e entenda que os erros são essenciais para uma vida plena;
  • Derrube os mitos da vulnerabilidade e atraia a plenitude para sua vida pessoal e profissional;
  • Crie elos. Aprenda que a jornada da vulnerabilidade não foi feita para trilharmos sozinhos. Conheça pessoas, fortaleça amizades e compartilhe histórias.

Avalie esse resumo de “A Coragem de Ser Imperfeito”

Animado para colocar todas essas teorias em prática? Pronto para deixar de ser uma pessoa perfeccionista, e se tornar alguém mais resiliente? Nós acreditamos no seu potencial!

Conte para gente o que achou do resumo, sua opinião é muito importante para nós.

Se deseja conhecer todos os detalhes dessa brilhante obra, você pode comprá-la clicando nas imagens da capa:

Livro A Coragem de Ser Imperfeito Brené Brown

Adicionar aos favoritos
Ler mais tarde
Marcar como lido
Create Account
Cadastre-se gratuitamente

E receba semanalmente resumo dos maiores best sellers para ler e ouvir quando quiser!