Link-se! - Leslie Grossman

Deixe os cartões de visitas e conversas vagas para trás, e conquiste a confiança de seus potenciais clientes e parceiros com uma boa comunicação e um bom networking.

Favoritar
Salvar
Lido
Escolha sua linguagem:

O resultado desse networking clássico é uma pilha de cartões de visitas de pessoas das quais nem lembramos quem seja e, muito provavelmente, nunca mais veremos. Com esse resumo do livro “Link-se” você aprenderá a forma de networking mais atual e efetiva!

Hoje, as pessoas querem recomendar, se relacionar e fazer negócios com aquelas em quem confiam. E a confiança não se solidifica com poucos minutos de conversa e trocas de cartões de visita.

Quer saber como criar um círculo de influência forte e confiável?

Então vamos lá!

 

Sobre o livro “Link-se!”

 

O livro “Link-se!”, escrito por Leslie Grossman, foi publicado em 2016.

A obra, composta por 176 páginas distribuídas em 10 capítulos, aborda a utilização de estratégias, em eventos de negócios, redes sociais e entrevistas, para formar conexões pessoais e atingir o sucesso profissional por toda a carreira. 

 

Sobre a autora Leslie Grossman

 

Leslie Grossman é empresária, consultora de treinamentos e palestras sobre liderança, marketing, desenvolvimento de carreiras e negócios e fundadora da Leslie Grossman Leadership.

Além disso, ela dirigiu a CMA, agência integrada de marketing e relações públicas, envolvendo-se ativamente em entidades como a Associação Nacional de Mulheres Empresárias, atuando em Nova York e fundando o Comitê Internacional nos Estados Unidos.

 

Esse livro é indicado para quem?

 

O conteúdo do livro é ideal para empresários e proprietários de empresas, gerentes e executivos, e todas as pessoas que desejam ampliar as suas habilidades em relacionamentos interpessoais.

 

Ideias principais do livro “Link-se!”

 

Os pontos de destaque do livro são:

 

  • A diferença de networking e comitiva;
  • Como formar sua comitiva;
  • A importância da comunicação;
  • Regras de etiqueta;
  • A comitiva e as redes sociais.

 

Vamos apresentar todos esses tópicos e algumas dicas de como obter sucesso na formação de sua comitiva.

Bora lá!

 

Faça o Download do Resumo do Livro "Link-se!" em PDF grátis

 

Está sem tempo para ler agora? Então faça o download gratuito do PDF e leia onde e quando quiser:

 

[Resumo do Livro] Link-se! - Leslie Grossman, PDF

Todo mundo precisa de uma comitiva

 

“É, literalmente, verdade que você pode ter um sucesso maior, e mais depressa, ajudando os outros a prosperar.” Napoleon Hill

 

Uma comitiva difere do networking. Uma comitiva é composta por pessoas que almejam a ascensão no mundo corporativo através de apoio mútuo e constante, baseada em relações de confiança que podem contar umas com as outras para obtenção de conselhos, apoio e indicações a longo prazo. 

Já o segundo é composto por conhecidos, mas com quem nem sempre podemos contar para nos ajudar. Os membros do network nos auxiliam, caso isso venha ao encontro dos seus interesses, porém podem não ser confiáveis em um período permanente.

 

Tabela Network x Comitiva

Imagem retirada do livro

 

A comitiva garante a você ótimos conselhos, indicações, apresentações valiosas e o mantém cercado de pessoas que lhe garantirão apoio durante toda sua carreira. Mas, para estabelecer essas relações de confiança e criar uma comitiva duradoura, você terá que fazer o mesmo por elas. 

Uma comitiva pode ser formada por profissionais de todos os setores e não somente por pessoas de seu ramo de atividade, a verdadeira comitiva é composta por membros com variadas competências nas mais diversas áreas

Um dos grandes industriais dos EUA, Henry Ford, contou com sua comitiva, que incluía Harvey Firestone, Warren Harding e seu antigo patrão, Thomas Edison, para alcançar todo o sucesso que teve.

 

Recrute sua comitiva

 

O jeito mais fácil de iniciar a formação de sua comitiva é através da expansão dos contatos de pessoas que você já conhece. Muitos dos membros de sua comitiva são pessoas que você já conhece há anos, podendo até mesmo serem os seus familiares.

Ao encontrar com seus tios e primos durante as confraternizações de Natal, você conversa com eles sobre trabalho, carreira ou até mesmo como passam o tempo livre? 

Na maioria das famílias, as pessoas ficam “ocupadas demais conversando sobre assuntos pessoais, além de comer, beber, cozinhar ou assistir futebol na TV, para sequer pensar em conversar sobre questões profissionais”, diz a autora.

Para mudar isso, listamos os principais tópicos a serem discutidos:

 

  • Como iniciaram a carreira e como ela evoluiu até a função atual?;
  • O que mais gostam no trabalho?;
  • Que pessoas interessantes já tiveram como colegas ou clientes?;
  • O que gostariam de ter mais tempo para fazer, dentro e fora do trabalho?;
  • Ouça com atenção o que disserem, mas não tenha medo de ressaltar os pontos em comum que possam ter;
  • Descubra se há alguma coisa que você possa fazer por eles, ou pessoas que você possa lhes apresentar, para ajudá-los a progredir ainda mais.

 

Comunicação 2.0

 

A boa comunicação é uma das partes mais importantes no processo de criação da sua comitiva. Se você quer atrair pessoas, seguir algumas regras será importante para tornar esse caminho mais fácil, então se liga nas dicas abaixo:

 

 

  • Primeiro encontro: apresente-se de forma sucinta. Logo após, exponha que está interessado em ouvir mais sobre a pessoa. Diga, por exemplo: “Chega de falar de mim. Estou interessado em ouvir o que você tem a dizer”;
  • Escute com os olhos: Dê 100% de atenção ao potencial membro de sua comitiva. Olhe fixamente em seus olhos e absorva cada palavra;
  • Compartilhe sua visão: Quando for a sua vez de falar, expresse sua visão e o que torna você, ou seu negócio, únicos;
  • Peça conselhos: Nunca diga que agendou a reunião pois está à procura de um emprego ou oferecendo um negócio. Diga sempre que valoriza seus conselhos, essa é a melhor maneira de consegui-los;
  • Crie uma relação de colaboração: Ofereça seu apoio quando ambos já tiverem compartilhado os pontos de vista. Se você fez perguntas suficientes e ouviu o outro com atenção, você terá noção de como pode ajudar, apoiar ou fazer alguma indicação valiosa. Se não tiver, apenas pergunte: “Como posso ajudá-lo?” ou “Quem você gostaria de conhecer?”;
  • Seja autêntico: Compartilhe suas atividades nos momentos fora do trabalho. Você pode descobrir que seu acompanhante as aprecia também. Incentive-o a ser autêntico. Faça perguntas sobre o que ele faz quando não está trabalhando;
  • Mantenha contato: Coloque-as em contato com alguém que possa lhes trazer benefícios nos negócios ou em sua vida pessoal; envie para elas um e-mail com um artigo que possam achar interessante; convide-as para um café ou sugira bater um papo de quinze minutos por telefone, para colocar os assuntos em dia;
  • Pense a longo prazo: Ao conhecer pessoas que poderiam fazer parte de sua comitiva, tenha em mente que construí-la é algo que não se consegue da noite para o dia.

 

 

Regras de etiqueta da comitiva

 

Tenha ciência do poder de suas palavras, ou da falta delas, ao se comunicar. Muitas empresas oferecem treinamentos de etiquetas ao contratar um novo funcionário. 

Três importantes regras de etiqueta a serem seguidas são: 

 

 

  • Conquiste no primeiro instante: Ao conhecer alguém, aperte-lhe a mão com firmeza e diga, olhando em seus olhos: “Muito prazer em conhecê-lo!”;
  • Desligue seu celular: sempre que entrar em uma reunião, mesmo que seja um café ou refeição, desligue seu celular;
  • Trate os outros como gostaria de ser tratado: na correria do dia a dia, muitas vezes deixamos de fazer aquilo que gostaríamos que fizessem por nós. Essa é a regra de ouro!

 

 

O “link-se” e as mídias sociais

  

As mídias sociais são muito úteis e necessárias. No entanto, elas só terão eficiência se forem acompanhadas da comunicação face to face. É através das relações pessoais que aprendemos sobre a visão, as metas e os desafios uns dos outros, além, é claro, de ser por onde estabelecemos a confiança. 

Há algumas maneiras de usar as redes sociais como ferramentas que ajudarão a atingir o objetivo.

 

Elas são uma ótima maneira de reencontrar pessoas com quem se perdeu o contato.

 

Estamos sempre nos preocupando em aumentar o tamanho de nossa comitiva e, por isso, é desejável que retornemos antigos contatos perdidos. Procure o pessoal de sua faculdade ou pós-graduação, pessoas que trabalharam com você e que você respeitava.

 

Se seus contatos forem menos que cem, é preciso aumentar a lista.

 

Caso seja sua situação, reserve uma parte de seu tempo para aumentar a lista. Busque por empresas e pessoas de seu interesse e/ou que você gostaria de conhecer.

 

Fique visível: compartilhe sua visão nas redes sociais

 

Muitas pessoas irão buscar informações sobre você na internet antes de marcar uma conversa ou encontro. Por isso, vale a pena ser atuante na internet e nas mídias sociais.

 

O que outros autores dizem a respeito?

 

No livro "Transformando Networking em Negócios”, Jorge Menezes também afirma que a criar uma imagem de confiança é fundamental para o networking, e que, para isso, precisamos criar uma marca pessoal. Na perspectiva dele, se conseguirmos vender a nós mesmos, conseguiremos vender nosso produto/serviço. 

O livro “Storytelling - Histórias que Deixam Marcas”, de Adilson Xavier, mostra que o storytelling é uma ferramenta de contar histórias que tem o objetivo de impulsionar produtos e marcas, e pode te ajudar também a impulsionar seus relacionamentos!

Paulo Maccedo no livro “Copywriting” nos ensina a aumentar o poder de nossa comunicação através de textos chamados “copy”. Esses textos podem ser utilizados não só para convencer compradores, mas também melhorar nosso networking.

 

Certo, mas como posso aplicar isso na minha vida?

 

É possível colocar esses conhecimentos em prática sem grandes investimentos. Estreite relações com seus familiares e amigos com quem você não se comunica há um tempo. Marque cafés e reuniões para discutir assuntos pessoais e profissionais.

Aumente cada vez mais sua comitiva e indique pessoas para se conectarem com seu círculo de relacionamento. Além disso, não se esqueça de cuidar de suas redes sociais, elas serão importantes para deixar uma boa impressão na hora em que buscarem por você.

 

Gostou desse resumo do livro “Link-se”?

 

E aí, curtiu esse PocketBook? Vou aguardar seu feedback nos comentários.

Além disso, a edição completa do livro está disponível para compra nas imagens abaixo:

 

Livro Link-se!

 

Nota:
O conteúdo apresentado acima traduz a visão e análise crítica da nossa equipe de redatores, respeitando os fundamentos de propriedade intelectual no Brasil (artigo 8, inciso I).
Nenhuma parte do livro está sendo copiada. São conteúdos únicos e exclusivos, sempre dando créditos aos autores e indicando o link para aquisição da obra completa. A PocketBook4You respeita o código de direitos autorais de acordo com o estabelecido na legislação brasileira, Lei 9.610/98.
Este conteúdo é de propriedade exclusiva da PocketBook4You e está protegido pela Lei de Direitos Autorais em seus artigos 46, I, (a) e em seu artigo 47, isso porque não se trata de reprodução e também não lhe implicam qualquer descrédito, pelo contrário, o direito moral é protegido e, como ressaltado anteriormente, o leitor recebe um link para adquirir a obra. É proibida a reprodução deste material sem a autorização da empresa.
Favoritar
Salvar
Lido
Cadastre-se gratuitamente

E receba semanalmente resumo dos maiores best sellers para ler e ouvir quando quiser!

Aprenda um novo livro a cada dia. Se inscreva na news e confira os destaques de hoje!