O Jeito Harvard de Ser Feliz - Shawn Achor

O Jeito Harvard de Ser Feliz - Shawn Achor

Entenda como a psicologia positiva vai te fazer enxergar as oportunidades que estão sendo oferecidas, através de uma visão mais otimista da realidade.

Se o bem-estar vem do sucesso, por que ainda há tantas pessoas infelizes, independente do que já conquistaram? O autor Shawn Achor traz para o leitor essa grande questão.

A resposta apresentada por ele vai contra o que a sociedade nos diz, e abre caminhos para uma vida mais saudável e com muito mais possibilidades de um sucesso real e gratificante. Para ele, é preciso que a pessoa seja feliz para ter sucesso.

Com esse resumo de "O Jeito Harvard de Ser Feliz", você vai entender tudo sobre a psicologia positiva e o que é necessário para aproveitar as oportunidades da vida, através de uma visão mais otimista sobre a realidade. Vamos lá!

O livro "O Jeito Harvard de Ser Feliz"

O livro "O Jeito Harvard de Ser Feliz", do original em inglês "The Happiness Advantage", escrito por Shawn Achor, é um estudo detalhado sobre os benefícios de ser uma pessoa feliz nos dias atuais.

Para além do bem-estar físico e mental, o sentimento de felicidade e todas as outras sensações positivas vindas dela são cruciais para aumentar a produtividade, lidar melhor com as oportunidades e construir uma carreira de sucesso.

Com isso, o autor apresenta os 7 princípios fundamentais para ter uma vida mais positiva e alcançar todos esses benefícios.

Quem é Shawn Achor?

Shawn Achor é pesquisador e palestrante, defensor da psicologia positiva para a transformação do rendimento e sucesso de indivíduos e empresas.

O autor passou mais de 12 anos, entre sua graduação e estudos subsequentes, dentro da faculdade de Harvard. Foi nesse período que ele fez pesquisas e desenvolveu o método que consiste em 7 princípios para adquirir hábitos positivos e transformar sua produtividade através da felicidade.

Hoje, além de palestrante, ele também gerencia a empresa GoodThink, um instituto de pesquisa da aplicação da positividade. Shawn Achor também é conhecido por sua participação em TED Talks.

Por que ler "O Jeito Harvard de Ser Feliz"?

O livro "O Jeito Harvard de Ser Feliz" é ideal para estudantes, líderes e empreendedores que querem descobrir os segredos para uma vida mais feliz e focada.

Ao longo da obra, você vai entender todas as vantagens de investir em sua felicidade, e aprender a adquirir hábitos positivos para superar obstáculos, melhorar sua produtividade e alcançar o sucesso.

O que posso aprender com esse livro?

  • Ao contrário do que muitos imaginam, a felicidade precede (e é crucial) para o sucesso, e não o contrário;
  • O contentamento também é importante para aumentar sua capacidade de raciocínio, entender melhor como aproveitar as oportunidades que aparecem e melhorar sua produtividade nos estudos e trabalho;
  • Se você não é uma pessoa positiva hoje, é possível mudar isso. A neuroplasticidade garante que você possa mudar hábitos e a sua forma de pensar independente da sua idade;
  • Líderes mais positivos, e que incentivam a felicidade dos seus funcionários, aumentam a produtividade de toda a equipe, e garantem até mesmo um faturamento maior na empresa.

O livro também apresenta os 7 princípios para uma vida positiva, que são:

  1. Benefício da felicidade;
  2. Ponto de apoio e alavanca;
  3. Efeito Tetris;
  4. Encontrar oportunidade no fracasso,
  5. O círculo de Zorro,
  6. A regra dos 20 segundos,
  7. O investimento social.

O autor Shawn Achor explica a importância de passar todos esses ensinamentos para frente, garantindo que as pessoas ao seu redor sigam por um mesmo fluxo de sucesso que você.

E então, está pronto para transformar o seu bem-estar ainda hoje?

Faça o Download do Resumo do Livro "O Jeito Harvard de Ser Feliz" em PDF grátis

Está sem tempo para ler agora? Então faça o download gratuito do PDF e leia onde e quando quiser:

[Resumo do Livro] O Jeito Harvard de Ser Feliz - Shawn Achor, PDF

Como ajustar o nosso cérebro?

Pratique a psicologia positiva

Até hoje, a sociedade possui crenças limitantes, que ao invés de nos levar ao sucesso e felicidade, nos fazem pessoas infelizes e improdutivas.

A psicologia positiva surgiu para revolucionar a forma como vivemos nossas vidas e provar que, acima de tudo, a felicidade pode transformar o nosso sucesso a curto e longo prazo.

Através do seu livro "O Jeito Harvard de Ser Feliz", Shawn Achor ensina para o leitor que alimentar pensamentos positivos não é uma maneira de se iludir ou se transformar em um otimista cego.

Na verdade, olhar a vida com olhos mais esperançosos é uma forma de tornar a vivência do hoje mais tranquila, além de nos proporcionar o que o autor chama de benefício da felicidade.

Benefício da felicidade

O benefício da felicidade nada mais é do que uma série de vantagens que seu corpo e mente alcançam por causa dela.

De acordo com o autor Shawn Achor, isso vai muito além do que você imagina: a satisfação, ou os pensamentos positivos, mudam as conexões químicas de seu cérebro e permitem que você combata o estresse. Além disso, te torna uma pessoa muito mais focada e produtiva.

Potencializando suas conquistas

"O Jeito Harvard de Ser Feliz" explica que trabalhar a felicidade e pensamentos positivos vai ajudar você a potencializar suas conquistas, tanto no curto quanto no longo prazo.

Através de técnicas específicas, desejo de mudança e insistência, você consegue transformar o potencial da sua mente e aproveitar todas as oportunidades que a vida disponibiliza.

Continue a leitura e entenda como!

Como ser uma pessoa mais positiva?

Shawn Achor dedica toda essa parte do livro para explicar o que são os 7 princípios de uma vida positiva e como eles podem ser aplicados por você de maneira imediata.

É importante entender que todo esse processo é importante, sobretudo, para líderes e empreendedores que querem ver o crescimento da empresa no curto e longo prazo.

De acordo com o autor, depois de mais de uma década observando estudantes e empreendedores de alto desempenho, ele percebeu que aqueles que conseguiam os melhores resultados eram pessoas positivas.

Ou seja, elas conseguiam ver motivos para felicidade e satisfação no presente, mesmo diante dos problemas.

Definição de felicidade

Nem mesmo o Google pode dar para você uma definição fixa, mas, nesse contexto, os cientistas definem como um conjunto de sentimentos positivos, um bem-estar geral, quando dentro desse estado de humor, você está satisfeito com o agora e tem muita esperança de estar ainda melhor no futuro.

O benefício da felicidade no ambiente de trabalho

Pesquisas indicam que a felicidade melhora nossa saúde e enche nosso cérebro de dopamina e serotonina, hormônios fundamentais que potencializam o poder de aprendizado do seu cérebro e também tornam você uma pessoa muito mais disposta.

O resultado disso é um aumento do desempenho no trabalho.

Liderando com o benefício da felicidade

O livro "O Jeito Harvard de Ser Feliz" alega que pesquisas indicam que a cada interação negativa no ambiente de trabalho, é necessário pelo menos 3 positivas para compensar e gerar bem-estar na equipe.

O ideal para dobrar a produtividade é proporcionar 6 interações positivas a cada 1 negativa.

Dicas para ser mais feliz hoje

  • Medite todos os dias;
  • Faça um pequeno ato de bondade, ou um comentário positivo para alguém;
  • Exercite-se regularmente;
  • Gaste dinheiro com experiências, não com coisas;
  • Tenha hobbies e desenvolva seus talentos.

Ser feliz é uma questão de escolha?

Shawn Achor enfatiza que a maneira como experimentamos e sentimos o mundo (e tudo que acontece ao nosso redor) varia de acordo com a forma em que estamos habituados a pensar. Alimentar pensamentos positivos não vai mudar o mundo, mas vai ajudar você a processá-lo de um modo diferente.

Isso ajudará você a continuar motivado, independente do que aconteça. Por isso, o autor define 2 coisas que formam o ponto de apoio necessário para você alavancar seu potencial:

  1. O comprimento da alavanca: isso é o quanto de potencial você realmente acredita ter;
  2. O ponto de apoio da alavanca: as atitudes que você escolhe ter diante de uma situação, e que pode induzir a mudanças.

A Teoria das Expectativas

Você já deve ter ouvido falar no efeito placebo. Remédios placebo, cientificamente falando, possuem uma eficácia entre 50% e 60% idêntica a dos medicamentos normais. E isso acontece por causa de algo que os cientistas chamam de Teoria das Expectativas.

Ou seja, as expectativas que geramos criam padrões em nossos cérebros que podem ser tão eficientes quanto aqueles criados por situações reais. Shawn Achor explica em "O Jeito Harvard de Ser Feliz" que você pode usar essa tendência a seu favor.

Dicas para alavancar todo seu potencial

  • Pense em seu trabalho como uma missão de vida, e enxergue a sua importância nele;
  • Estimule as pessoas ao seu redor a crescerem com você;
  • Acredite no seu potencial, mas também não duvide do potencial dos outros;
  • Tenha cuidado com as expectativas muito foras da realidade. Acredite em si mesmo, mas reconheça seus limites. Você não pode voar, mesmo que queira muito, por exemplo.

Como treinar o cérebro para enxergar novas maneiras?

Se você já jogou o famoso Tetris, deve saber o quanto esse jogo é viciante. O autor explica que quando jogadores passam tanto tempo jogando ele, começam a enxergar peças e encaixes no cotidiano, como em uma simples compra no supermercado.

Isso define o que o autor Shawn Achor chama de efeito Tetris: é o processo em que você condiciona seu cérebro a pensar de uma determinada maneira, até que ele se torne viciado nisso e fique preso nesse padrão de pensamento.

Condicione-se para pensar positivo

De acordo com o livro "O Jeito Harvard de Ser Feliz", o problema do efeito Tetris é que, muito provavelmente, você passou os últimos anos ensinando o seu cérebro a pensar negativo.

Quando você se condiciona a pensar apenas no lado ruim das coisas e alimenta uma visão pessimista, mesmo o melhor dos cenários vai parecer desfavorável para você. O que gera infelicidade, insatisfação e, em consequência disso, o próprio fracasso.

Mas você pode reverter esse padrão treinando novamente seu cérebro, ensinando ele a enxergar as situações de forma positiva.

Como lidar com as adversidades?

Ao invés de enxergar os problemas e erros como algo abominável, use-os para ganhar ainda mais impulso na sua subida para o sucesso. Com outras palavras, transforme qualquer situação em uma oportunidade de aprendizado.

Aprenda a mapear o caminho do sucesso

O tempo inteiro, seu cérebro está traçando um mapa de caminhos possíveis para as tomadas de decisão.

O problema é que diante de situações de estresse extremo e crise, muitas pessoas perdem parte da sua capacidade de realizar esse mapeamento e deixam de lado caminhos cheios de oportunidade.

Nesses casos, elas visualizam apenas os caminhos negativos diante daquele novo contexto e desistem de fazer qualquer coisa.

Shawn Achor deixa claro que sempre existem novos caminhos! Você precisa aprender a estar aberto para eles, caso queira alcançar a felicidade e o sucesso.

Crescimento pós-traumático

É sempre possível aprender com qualquer desastre. Isso é algo que o autor chama em seu livro "O Jeito Harvard de Ser Feliz" de crescimento pós-traumático, e marca a vida de pessoas que estão muito mais abertas à felicidade.

Dicas para encontrar oportunidades na adversidade

  • Transforme o fracasso em base para o sucesso;
  • Não pare de buscar novos caminhos e soluções, independente da situação;
  • Como líder, transforme a crise em oportunidade de mudar os processos da empresa de forma criativa;
  • Escolha contar as experiências, mesmo as negativas, enxergando os pontos positivos.

O que é o círculo de Zorro?

Com certeza você já ouviu falar na lenda de Zorro, herói que alimenta o imaginário de gerações. O autor Shawn Achor utiliza o início da trajetória desse herói como exemplo para o 5º princípio.

Se você tem uma grande missão pela frente, ou metas importantes, é comum que se desespere e sinta que está perdendo o controle da situação. Para retomar esse controle, proponha metas pequenas e tangíveis.

Com um passo de cada vez, transforme essas metas pequenas naquilo que você quer alcançar a longo prazo.

Tome o controle da sua vida

A obra "O Jeito Harvard de Ser Feliz" define que existem 2 tipos de pessoas:

  1. Pessoa com lócus de controle interno: elas acreditam que tudo que fazem influencia diretamente no resultado final;
  2. Pessoa com lócus de controle externo: acreditam em sorte, destino, e que o resultado final depende de forças externas.

Aquelas com lócus de controle interno possuem muito mais chances de reverter crises e transformar problemas em grandes oportunidades.

Dicas para retomar o controle

  • Trabalhe sua autoconsciência, identificando se a sua reação à situação está sendo pessimista/otimista, e se isso está impedindo que você avance;
  • Identifique pontos da situação que você pode controlar;
  • Proponha metas iniciais fáceis de alcançar. Isso gera motivação;
  • Ao invés de encarar uma pilha de trabalho de uma só vez, separe em pequenas tarefas.

Como criar novos hábitos?

Depois de estudos e muita observação, o autor Shawn Achor percebeu que a parte mais difícil de mudar um hábito está relacionado ao esforço que você precisa fazer para alcançar a mudança.

A solução para isso? Aplicar a regra de 20 segundos.

Quer um exemplo simples? Se você quer aprender a tocar violão, ao invés de deixá-lo fechado em um armário, deixe-o visível e logo ao alcance de suas mãos.

Para tornar todo esse processo ainda mais eficiente, dificulte o acesso ao hábito ruim, explica Shawn Achor.

Por exemplo, se você sente que perde muito tempo assistindo televisão e quer começar um hábito de ler 1h por dia, tire as pilhas do controle da televisão (dificultando, assim, que você ligue ela) e deixe o livro na mesa do lado do sofá da sala.

Qual a importância das pessoas para a felicidade?

Outro problema que mina a felicidade e chances de sucesso de muitos empreendedores: o isolamento da sociedade.

Quando nos deparamos com situações estressantes e que demandam muita atenção, é normal entrarmos em um processo em que nos afastamos dos amigos e dedicamos todo nosso tempo disponível ao problema.

Ao invés disso ajudar, só torna você ainda mais improdutivo, impaciente e impulsivo. Uma péssima combinação a curto e longo prazo.

Shawn Achor explica em "O Jeito Harvard de Ser Feliz", que o ideal é que todos façam um investimento social, seja no trabalho ou em casa. Saia com os amigos, conviva com a família e mantenha uma boa relação com seus colegas de trabalho, principalmente nos períodos de crise.

Benefícios do investimento social

  • Ter uma rede social de apoio alivia os sintomas do estresse e reduzem a ansiedade;
  • É um fator que aumenta sua saúde física e a expectativa de vida;
  • No trabalho, uma rede de apoio alimenta a criatividade e produtividade de toda a equipe.

Se você gostou do livro "O Jeito Harvard de Ser Feliz", vai gostar também desses

No livro "Mindset", da psicóloga Carol S. Dweck, é debatido como nossas crenças moldam nosso comportamento e nosso crescimento. Enquanto mindsets produzem visões de mundo definitivas, pessoas podem mudar ao aprender novas habilidades. Seres humanos podem ser ensinados a reagir de diferentes formas, como enfrentar desafios e pensar de outra maneira.

Já na obra "Felicidade dá Lucro", Márcio Fernandes deixa claro que não há separação entre vida pessoal e profissional. Nós somos a mesma pessoa, tanto dentro de casa quanto no ambiente de trabalho.

Quando nos transformamos em líderes mais eficientes, nos tornamos também melhores como amigos, pais, companheiros, filhos, vizinhos, clientes, cidadãos e vice-versa.

Para Marcus Buckingham e Donald Clifton, autores do livro "Descubra Seus Pontos Fortes", para aumentar a produtividade da empresa, o segredo é focar nos pontos fortes dos funcionários ao invés de viver tentando melhorar os pontos fracos.

Como posso ser mais feliz?

Agora que você já conhece todos os 7 princípios abordados, está na hora de colocar em prática cada um deles. Recapitulando:

  • Substitua hábitos negativos por hábitos positivos;
  • Crie um contexto de aprendizado, mesmo nos momentos de crise. Isso é fundamental para converter toda situação em sucesso;
  • Trabalhe a sua forma de pensar e falar sobre as coisas que acontecem ao seu redor: se proponha a um pensamento muito mais positivo sobre tudo;
  • Não esqueça de criar a sua própria rede de apoio, formada por amigos, família e colegas de trabalho.

Avalie esse resumo do livro "O Jeito Harvard de Ser Feliz"

E então, o que achou do nosso PocketBook? Está pronto para colocar todas as dicas em ação? Deixe seu feedback nos comentários!

E se você se interessou pelo livro, aproveite para comprá-lo clicando em uma das imagens abaixo:

Livro 'O Jeito Harvard de Ser Feliz'

Adicionar aos favoritos
Ler mais tarde
Marcar como lido
Create Account
Cadastre-se gratuitamente

E receba semanalmente resumo dos maiores best sellers para ler e ouvir quando quiser!