Who Says Elephants Can’t Dance? - Louis V. Gerstner, Jr.

Who Says Elephants Can’t Dance? - Louis V. Gerstner, Jr.

Descubra como solucionar os problemas do seu negócio através das lições do empresário que reergueu uma das maiores empresas de informática dos EUA: a IBM.

Você sabe o que mantém o bom funcionamento de um negócio? Já se perguntou por que algumas empresas conseguem sobreviver nos momentos de tempestade e outras não? No livro "Who Says Elephants Can't Dance?", o autor Louis V. Gerstner Jr. responde essas e muitas outras perguntas sobre crises empresariais.

Além disso, com lições valiosas, ele ensina o que você deve fazer para mudar o cenário de sua empresa, mostrando como fazê-la crescer novamente quando ela está no "fundo do poço".

Neste PocketBook, você vai aprender muito com as principais dicas desse empresário, e entender como colocá-las em prática no seu empreendimento.

Quer saber mais? Venha que te explicaremos como solucionar os seus problemas!

O livro "Who Says Elephants Can't Dance?"

"Who Says Elephants Can't Dance?", escrita por Louis V. Gerstner Jr., foi publicada em 2003 pela editora Harper Collins.

No livro, de 292 páginas divididas em vinte e sete capítulos, o autor mostra sua trajetória no comando da IBM (International Business Machines Corporation) e conta como salvou a empresa de uma possível extinção.

Quem é Louis V. Gerstner Jr.?

Louis Vincent Gerstner Jr. é um empresário americano que ocupou o cargo de presidente do conselho e diretor executivo da IBM entre 1993 e 2002.

Ademais, foi anteriormente CEO da RJR Nabisco e exerceu cargos na American Express e McKinsey & Company.

Louis V. é formado pela Universidade de Dartmouth, e possui MBA pela Harvard Business School. Além disso, é membro da National Academy of Engineering e da American Academy of Arts and Sciences, e recebeu doutorados honorários de várias universidades dos EUA.

Por que ler o livro sobre a IBM?

"Who Says Elephants Can't Dance?" é recomendado para empresários que possuem empresas em situação de risco e precisam de instruções e dicas para virar o jogo.

Além disso, a obra é indicada para todos que desejam aprender mais sobre o ramo dos negócios através de histórias reais de fracasso e superação.

O que posso aprender com o livro?

  • Para salvar uma companhia, é preciso, principalmente, criar um time de liderança e redefinir a cultura da empresa;
  • As boas estratégias são o que mantém uma empresa forte, e é importante pensar em cada aspecto da companhia quando criá-las;
  • Uma boa estratégia é aquela aplicável em várias situações;
  • É importante definir quais são os valores de sua companhia, as empresas de maior sucesso têm fortes princípios;
  • Uma empresa de sucesso é aquela que sabe quais são as necessidades de seus clientes.

Faça o Download do Resumo do Livro "Who Says Elephants Can't Dance?" em PDF grátis

Está sem tempo para ler agora? Então faça o download gratuito do PDF e leia onde e quando quiser:

[Resumo do Livro] Who Says Elephants Can’t Dance? - Louis V. Gerstner, Jr., PDF

Qual a importância de agarrar oportunidades?

Nesta parte inicial do livro "Who Says Elephants Can't Dance?", o autor Louis V. Gerstner Jr. conta a história de como lutou contra a ideia de assumir o cargo da IBM. Após isso, ele faz alguns destaques de seu primeiro ano no trabalho.

Gerstner também explica como lidou com a grave crise financeira da IBM no início dos anos 90 e conseguiu manter a empresa viva. Além disso, revela o quão precária era a situação financeira da Big Blue (nome popular dado à empresa) naquele momento.

A chegada de Gerstner na IBM

Em 1990, a IBM teve seu ano mais lucrativo de todos os tempos. Em 1993, a indústria de computadores havia mudado rapidamente.

Assim, a empresa sofreu as consequências destas transformações perdendo bilhões de dólares, e foi prejudicada pelo seu grande tamanho e pela nova era do computador que ela mesma ajudou a inventar.

Então, o autor Louis V. Gerstner Jr. foi contratado para administrar a IBM. Muitas pessoas presumiram que ele havia se juntado à empresa para presidir sua dissolução em unidades de negócios autônomas.

Em vez disso, Gerstner assumiu a empresa e tomou importantes decisões que mudariam o cenário da IBM. Ele manteve a empresa unida e transformou sua imagem frente ao mercado.

De acordo com o livro "Who Says Elephants Can't Dance?", ao chegar no comando da IBM, Gerstner traçou estratégias e fez um resumo da seguinte filosofia que adotou durante seu cargo de gestor:

  • Gerencie através de princípios, e não procedimentos;
  • O mercado dita tudo o que deve ser feito;
  • Foque na qualidade, forte competitividade, estratégias, trabalho em equipe e responsabilidade ética;
  • Procure por pessoas que trabalham para resolver problemas;
  • Esteja fortemente envolvido com as estratégias, o resto cabe à equipe implementar;
  • Seja rápido. Melhor ser rápido e cometer erros do que ser devagar;
  • Hierarquia significa muito pouco; o importante é trabalhar sempre juntos para solucionar os problemas;
  • Não tem necessidade de entender tudo sobre tecnologia. Aprenda o necessário, sem precisar ser especialista.

Ressuscitando a empresa

Segundo Gerstner, para salvar a companhia era necessário tomar decisões e fazer mudanças drásticas. Após muita pesquisa sobre os clientes e sobre o mercado, e após reuniões com os empregados e colegas de trabalho, ele concluiu que era necessário:

  • Manter a companhia unida;
  • Mudar o modelo econômico;
  • Reprojetar a maneira de fazer negócio;
  • Vender ativos improdutivos para arrecadar dinheiro;
  • Reviver a marca e estabelecer os valores da empresa.

Criando a equipe de liderança

De acordo com o livro "Who Says Elephants Can't Dance?", ao traçar suas estratégias para salvar a empresa, o autor Louis V. Gerstner Jr. começou por criar uma equipe de liderança.

Montar uma equipe de gestão e uní-la não é tarefa fácil, em cada empresa o processo é diferente. É preciso saber em quem confiar e despertar a confiança de sua equipe.

Para Gerstner, uma das maiores mudanças envolve o Conselho Administrativo. Dentro da IBM, ele diminuiu o número de membros do conselho para facilitar a gestão e comunicação.

Além disso, é de grande importância aumentar e melhorar a comunicação com os funcionários. Se os empregados não acreditam que a crise é real, eles não se esforçarão para mudar esta situação.

Como direcionar a estratégia?

Nesta seção do livro "Who Says Elephants Can't Dance?", Gerstner dá mais detalhes sobre como transformou a IBM para manter a empresa unida e conseguir colocá-la no topo novamente.

Segundo o autor, muitos especialistas da indústria diziam que a única maneira de evitar um desastre era fechar a IBM. Porém, ele resolveu preservar a empresa e manter o serviço de qualidade que ele acreditava que a IBM trouxe para os clientes.

As estratégias certas são o que mantém uma companhia forte e unida. Ao montar suas estratégias, é necessário pensar em todos os detalhes de sua empresa e focar em cada um deles. Uma boa estratégia é aquela que:

Fazendo as grandes apostas

Quando estavam em situação de crise, os executivos da IBM apostaram em algo diferente do que faziam para tentar sobreviver.

O livro, "Who Says Elephants Can't Dance?", explica que a empresa, além de criar e vender seus produtos, passou a investir em maneiras de solucionar problemas para seus clientes na área da computação.

Entretanto, muitos empresários não estão dispostos a enfrentar as batalhas necessárias para reestruturar e fortalecer seus negócios. Sendo assim, eles acabam desistindo de seu empreendimento e fechando as portas.

Abrindo a loja da companhia

Uma grande estratégia da IBM foi escolher competir com os rivais do setor, entrando em novos mercados, mas tentando sempre manter o cliente satisfeito.

Por muito tempo, a IBM foi referência em pesquisa científica, além de ter um dos maiores e mais importantes laboratórios do mundo. Porém, de acordo com o autor Louis V. Gerstner Jr., uma das causas do declínio da IBM foi não conseguir levar suas pesquisas científicas para o mercado.

Dessa forma, era necessário abrir uma loja da IBM. Esse processo não dizia respeito à venda de partes de componentes de hardware e software em lojas.

A IBM abriu espaço para que companhias tivessem acesso a um portfólio de patentes, ou ao seu processo tecnológico, passando de licenciadores a vendedores de tecnologia.

O que é cultura corporativa?

A cultura de uma companhia é a sua personalidade. Ela define o ambiente no qual os funcionários trabalham. A cultura da empresa inclui uma variedade de elementos, como:

Desse modo, para o autor Louis V. Gerstner Jr., transformar a cultura da IBM era essencial.

Na cultura corporativa

Segundo o autor Louis V. Gerstner Jr., a cultura de uma companhia não é parte do jogo, ela é o jogo. Uma organização é representada pela sua capacidade coletiva de criar valores.

Muitas empresas estabelecem seus valores se baseando no mercado em que surgiram. Porém, quando o mercado se renova, tais valores permanecem os mesmos - muitas vezes antiquados - o que diminui a capacidade da empresa de se adaptar.

As crenças básicas

O livro, "Who Says Elephants Can't Dance?", explica que muitas empresas baseiam sua cultura no seu criador. O caso da IBM não é diferente. Os valores da empresa iam ao encontro das crenças de seu fundador, Thomas J. Watson:

  • Excelência em tudo o que faz;
  • Atendimento ao cliente superior;
  • Respeito pelo individual.

Porém, após a quase extinção da empresa, foi necessário mudar seus valores, pois os antigos não correspondiam mais às crenças da nova IBM.

Sendo o responsável por deixar IBM mais próxima de seus clientes, Gerstner elaborou oito princípios que seriam os pilares da nova cultura da companhia:

  1. O mercado é a força por trás de tudo o que fazemos;
  2. Em nosso núcleo, somos uma companhia de tecnologia com compromisso com a qualidade;
  3. Nosso principal parâmetro de sucesso é a satisfação do cliente;
  4. Nós operamos como uma organização empreendedora com o mínimo de burocracia e foco na produtividade;
  5. Nós nunca perdemos nossa estratégia de vista;
  6. Nós pensamos e agimos com senso de urgência;
  7. Pessoas excepcionais e dedicadas fizeram isso acontecer, principalmente quando trabalharam em equipe;
  8. Nós somos sensíveis às necessidades dos nossos empregados e da comunidade em que operamos.

Lições aprendidas

O autor Louis V. Gerstner Jr. revela o que aprendeu em sua experiência na IBM.

Existem três fundamentos que caracterizam empresas e empresários de sucesso, e podem ser base para qualquer empreendimento, seja ele grande ou pequeno:

A execução

Todas as grandes empresas lutam para superar seus concorrentes diariamente no mercado. O cotidiano do mundo dos negócios é feito de atitudes, não apenas ideias.

Sendo assim, o autor Louis V. Gerstner Jr. afirma que a execução é a parte mais importante da estratégia. Ela diz respeito a transformar todas suas estratégias em ações e analisar os resultados.

Saber executar significa fazer as coisas certas de maneira mais rápida, melhor e mais produtiva do que seus concorrentes. A esta definição, o livro "Who Says Elephants Can't Dance?" dá o nome de "Cultura de Alta Performance".

A empresa conta com funcionários comprometidos com o sucesso, com verdadeiros líderes e com pessoas com foco na qualidade.

A Liderança

"Grandes instituições não são gerenciadas, são guiadas."

Os melhores líderes criam culturas de alta performance, traçam metas e analisam resultados. Desse modo, o autor Louis V. Gerstner Jr. listou as principais características necessárias para liderar uma empresa como a IBM:

  • Grande energia pessoal;
  • Senso de estratégias;
  • Habilidade de motivar e energizar pessoas;
  • Entusiasmo contaminante para aumentar o potencial da empresa;
  • Capacidade de construir times fortes;
  • Boa comunicação oral;
  • Presença e participação dentro da indústria e perante os clientes.

Elefantes podem dançar

Muitas pessoas acreditam que as pequenas empresas funcionam bem e as grandes não. Porém, isso não é verdade. Gerstner conta que o desempenho de uma empresa não é medido através de seu tamanho.

Não é sobre dizer que as grandes empresas predominam sobre as pequenas, ou que os elefantes são melhores que as formigas.

É sobre saber que "se um elefante pode dançar, as formigas devem abandonar a pista de dança", afirma a obra "Who Says Elephants Can't Dance?".

Ou seja, apesar da grande extensão, as grandes companhias podem se reerguer depois de uma crise, sem que precisem se descentralizar ou fechar as portas.

Portanto, é preciso elaborar e aplicar estratégias que mantenham uma empresa unida, pensando sempre no bem-estar dos funcionários e na satisfação dos clientes.

Mais livros sobre cultura corporativa

Na obra "Empresas Feitas Para Vencer", o autor Jim Collins explica porque algumas empresas conseguem ir longe e outras não. Ele ensina como fazer seu empreendimento crescer, buscando melhores números e resultados.

Collins mostra como alavancar seu negócio, elevando seu conceito de "bom" à "excelente".

No livro "Execution: The Discipline of Getting Things Done", escrito por Larry Bossidy e Ram Charan, você aprende como criar estratégias e traçar metas que levam à bons resultados. Os autores explicam como muitas empresas não crescem devido a uma má execução.

Por fim, em "Inove ou Morra", o autor Luiz Guimarães introduz uma proposta que busca modernizar e inovar empresas para adequá-las à era digital, focando principalmente nos clientes.

A obra traz reflexões que ajudam a entender melhor as mudanças e as suas causas, além de afirmar que não é preciso ser uma startup para inovar.

Como implementar uma cultura na minha empresa?

  • Crie estratégias que possam ser aplicadas em todos os aspectos de seu empreendimento;
  • Estude o mercado e conheça as necessidades de seus clientes;
  • Estude e analise sua concorrência;
  • Aprenda a colocar suas ideias e planos em prática;
  • Estabeleça valores que permitam que a empresa se adapte sempre que necessário.

Gostou desse resumo do livro "Who Says Elephants Can't Dance?"?

Esperamos que você tenha gostado do nosso resumo e consiga aplicar os ensinamentos do autor, Louis V. Gerstner Jr., em seu negócio. Deixe sua opinião nos comentários, seu feedback é muito importante para nós!

Além disso, para se inteirar mais sobre o conteúdo, adquira o livro clicando na imagem abaixo:

Livro “Who Says Elephants Can’t Dance?”

Adicionar aos favoritos
Ler mais tarde
Marcar como lido
Create Account
Cadastre-se gratuitamente

E receba semanalmente resumo dos maiores best sellers para ler e ouvir quando quiser!